“O tempo cura tudo; só não cura o tempo que você perdeu esperando o tempo passar para curar tudo o que você teria ganho se não tivesse esperado tanto tempo.”

Eu me chamo Antônio. (via s-i-m-p-l-i-f-i-c-a-r)
“Mas não dá, nem de brincadeira, pra você ligar pro cara e dizer: “Ei, a vida é curta pra sofrer, volta, volta, volta.” Porque amor, não se pede. É triste, eu sei bem.”

Tati Bernardi  (via verseando)
“Só te peço uma coisa: Luta por nós. Mostra que você também quer que isso dê certo tanto quanto eu. Não deixe nosso amor virar lembrança e com o tempo cinzas. Vem, cola em mim, vamos nos unir e fazer com que o nosso para sempre dure mais que a eternidade.”

Lucas Albertini.  (via romantizado)
“Somos finos como papel. Existimos por acaso entre as percentagens, temporariamente. E esta é a melhor parte, o fator temporal. E não há nada que se possa fazer sobre isso. Você pode sentar no topo de uma montanha e meditar por décadas e nada vai mudar. Você pode mudar a si mesmo para ser aceitável, mas talvez isso também esteja errado. Talvez pensemos demais. Sinta mais, pense menos.”

Charles Bukowski.     (via verseando)
“Como a gente muda, meu Deus. Como os sonhos mudam. Alguns foram embora, me deixaram. Outros cresceram juntinho comigo. Alguns sonhos, impacientes, fizeram as malas e se foram sem ao menos deixar uma foto como lembrança. E eu fico aqui, um pouco saudosa, tentando lembrar o que um dia eu quis.”

Clarissa Corrêa.   (via verseando)
“Mas não dá, nem de brincadeira, pra você ligar pro cara e dizer: “Ei, a vida é curta pra sofrer, volta, volta, volta.” Porque amor, não se pede. É triste, eu sei bem.”

Tati Bernardi  (via verseando)
“Beber é algo emocional. Faz com que você saia da rotina do dia-a-dia, impede que tudo seja igual. Arranca você pra fora do seu corpo e de sua mente e joga contra a parede. Eu tenho a impressão de que beber é uma forma de suicídio onde você é permitido voltar à vida e começar tudo de novo no dia seguinte. É como se matar e renascer. Acho que eu já vivi cerca de dez ou quinze mil vidas.”

Charles Bukowski.  (via s-i-m-p-l-i-f-i-c-a-r)
“As pessoas têm estrelas que não são as mesmas. Para uns, que viajam, as estrelas são guias. Para outros, elas não passam de pequenas luzes. Para outros, os sábios, são problemas. Para o meu negociante, eram ouro. Mas todas essas estrelas se calam. Tu porém, terás estrelas como ninguém… Quero dizer: quando olhares o céu de noite, (porque habitarei uma delas e estarei rindo), então será como se todas as estrelas te rissem! E tu terás estrelas que sabem sorrir! Assim, tu te sentirás contente por me teres conhecido. Tu serás sempre meu amigo (basta olhar para o céu e estarei lá). Terás vontade de rir comigo. E abrirá, às vezes, a janela à toa, por gosto… e teus amigos ficarão espantados de ouvir-te rir olhando o céu. Sim, as estrelas, elas sempre me fazem rir!”

O Pequeno Príncipe.  (via s-i-m-p-l-i-f-i-c-a-r)